Ponto Cartesiano
11 Jul 2018 - 07h51m

Salários e esparadrapos. Meu artigo desta quarta no Jornal do Tocantins

O Banco Central reduziu nesta semana a projeção de expansão do PIB de 2,50% para 1,9%. Uma queda de 24%.  Significa dizer que, enquanto no Estado os políticos se dividiam entre consensos e dissensos, sobre candidaturas, as receitas no Tocantins despencavam, portanto, algo em torno de R$ 2,5 bilhões, considerando o orçamento de R$ 10,7 bilhões de 2018 calculado justamente sobre um crescimento do PIB nacional de 2,50%. Hospitais estavam sem esparadrapos e filas para cirurgias dobravam não os sinos, mas quarteirões. E não se tinha conhecimento de projetos para enfrentar o quadro.

Pelo contrário. Se mais ainda não bastasse, os deputados estaduais (os mesmos que aprovaram esta Lei Orçamentária Anual) autorizavam, na própria semana, reajustes salariais, na forma de reposição da inflação, a servidores públicos do Executivo, Legislativo, Judiciário, MPE, TCE e Defensoria que, somados, elevam as despesas brutas com pessoal à ordem de 7,7807%/mês. O equivalente a algo em torno de 400 milhões de reais ao ano considerando a execução orçamentária de maio/2017 a abril/2018.

São movimentos que, tomados como se dão e em tais circunstâncias, sugeririam a qualquer um dotado da mínima capacidade cognitiva, que a autoridade política devesse estar instalada em um hospício ou numa cadeia por pura irresponsabilidade, nonsense ou má fé mesmo. E não exercendo competências representativas delegadas por terceiros de boa fé.

Os recursos para pagamento dos reajustes dependem necessariamente, por óbvio, da arrecadação de impostos que derivam, por seu turno, da economia. Uma retração econômica não gera expansão de riquezas nem de tributos da mesma forma que elevação de gastos de pessoal acima do orçamento exige movimentação de receitas de outras destinações para cobri-las. Das bandagens, por exemplo, menos perceptíveis.

Leia mais:https://www.jornaldotocantins.com.br/editorias/opiniao/tend%C3%AAncias-ideias-1.456289/tendencias-e-id%C3%A9ias-1.1570490

Deixe seu comentário:

1 Comentário(s)

  • Francisco Cláudio Lima Gomes | 11/07/2018 | 10:57Parabéns pelo artigo. O Tocablntins e i Brasil sairão do lamaçal em que vivemos e agradecerá à coragem de seus filhos que não se renderam à podridão reinante.
© 2015 - luizarmando.com.br - Todos os direitos reservados.